• @poloimoveis

Pet sozinho em casa? Saiba o que fazer com o seu cão.


Muitos donos adorariam. Porém, a grande maioria não tem como passar o tempo todo com seus cães e acabam deixando seu pet sozinho em casa por muito tempo. Para que seu cão não fique entediado, estressado e apresente uma série de problemas de comportamento é bom tomar algumas medidas. Confira nossas dicas!


1. Evite a ansiedade da separação


Ao deixar a casa, evite despedidas. Saia, feche a porta e aja com tranquilidade e naturalidade. Esse tipo de comportamento do dono evita que o cão fique angustiado ou ansioso. Muitos cães sofrem da chamada ansiedade da separação. Esse comportamento é uma manifestação de pânico que muitos cães apresentam quando sabem que vão ficar sozinhos. Cães são seres que vivem naturalmente em bando e, por isso, a solidão é algo contrário à sua própria natureza. Para evitar estresse e muita destruição ao deixar o pet sozinho em casa, o dono deve mostrar que ele vai e volta e isso é algo comum no dia a dia.


2. Chegue em casa com tranquilidade


Outra dica importante é evitar fazer aquela festa logo que você chega em casa. Sim, não é fácil resistir! Mas isso é fundamental para o bem-estar do seu cão. Quando você chega em casa e vai logo fazendo carinho, pegando no colo e oferecendo qualquer mimo ao seu cão, ele ficará muito ansioso por esse momento. Assim, chegue em casa tranquilamente, organize suas coisas e só então dê a maior atenção ao seu companheiro.


3. Passeie com o seu cão antes de sair


Antes de sair de casa, leve o seu cão para um passeio. Cães adoram uma boa caminhada e isso fará com que ele fique mais feliz e relaxado, não se incomodando tanto com a sua ausência. Se vai deixar o pet sozinho em casa, se programe com antecedência, pegue a coleira e pernas para que te quero!


4. Ofereça brinquedos que deixem o seu cão entretido


Para evitar o tédio e a melancolia, nada melhor do que brinquedos interativos. Hoje já existem no mercado uma série de acessórios que possibilitam o dono esconder comida ou snacks dentro. Isso estimula o cão a encontrar a própria comida, desafiando assim a monotonia. Esses brinquedos podem trazer uma boa dose de entretenimento para os momentos de solidão, evitando que o seu cão fique triste ou mesmo estressado.


5. Esconda comida e petiscos pela casa


Deixar comidas e petiscos pela casa também são uma forma de entreter e distrair seu amigão da solidão. Esconda petiscos, ossinhos e até ração durante a sua ausência. Isso fará com que o seu pet sozinho em casa tenha que encontrar a própria comida e se mantenha bastante ocupado com essa tarefa.


6. Cuidado com os brinquedos que deixa em casa


Oferecer brinquedos para que o seu pet sozinho em casa possa se divertir durante a sua ausência é uma ótima ideia. Porém, tenha cuidado. Brinquedos com compartimentos que se soltam, pelúcias ou ossos com partes pontiagudas podem fazer com que o seu cão se engasgue e você não estará por perto para ajudá-lo. Portanto, procure brinquedos próprios e peça auxílio de profissionais de um pet shop especializado.

Ao contrário do que muitos donos pensam, pets sozinhos em casa não causam destruição por vingança. Isso é apenas um reflexo do estresse causado a um animal que é naturalmente sociável. É fundamental preparar o ambiente e usar técnicas que deixem seu amigão mais tranquilo. Isso garante a casa intacta e o seu pet mais feliz.


fonte: azptshop

3 visualizações